Pode me Chamar de Francisco: Jorge Luis Borges e o Papa Francisco

Com o sonho de ser enviado como missionário para o Japão, o jovem jesuíta Jorge Bergoglio é enviado para ser professor em Santa Fé, na Argentina. A primeira missão do Papa Francisco como religioso foi ensinar literatura no Colégio Imaculada Conceição. Entre as iniciativas do professor retratadas em Pode me Chamar de Francisco, se destaca o inusitado convite a Jorge Luis Borges para participar das classes e o aceite do escritor cego para se deslocar da capital argentina até Santa Fé.

Francisco no Equador: um pastor latino americano fala ao seu povo

O papa Francisco já está na Bolívia, mas vamos observar sua estadia no Equador. Em sua passagem pelo país, o argentino demonstrou seu forte laço com o povo latino-americano ao falar de forma clara e amorosa ao povo, ao fazer memória de sua história, devoções e problemas sociais. É importante lembrar que Bergoglio, como arcebispo … Continue lendo Francisco no Equador: um pastor latino americano fala ao seu povo