Francisco na Bulgária: “Deus chama, surpreende e ama”

O Papa Francisco iniciou neste domingo (05) sua viagem apostólica a Bulgária e Macedônia do Norte. Durante a manhã desembarcou em Sófia, capital búlgara, para seus primeiros compromissos. Se encontrou com as autoridades do país e com o Patriarca Neofit. À tarde presidiu uma missa na na Praça Knyaz Alexandar I e apresentou três realidade divinas diante da humanidade: "Deus chama, Deus surpreende, Deus ama". Pediu também uma "Igreja jovem, uma pessoa jovem, não pela idade, mas pela força do Espírito" para testemunhar Cristo.

Deus cancela as distâncias com um amor humilde na Páscoa, diz Francisco

Na véspera do Tríduo Pascal, o Papa Francisco apresentou um caminho para viver a Páscoa ao refletir sobre as palavras de Jesus direcionadas ao Pai em suas últimas horas de vida. "Deus, na Páscoa, cancela as distâncias mostrando-se na humildade de um amor que pede o nosso amor", definiu o Santo Padre.

Ganância, glória humana e instrumentalizar Deus são obras de Satanás que nos separam de Deus, diz Papa Francisco

O Papa Francisco esteve domingo (10) para rezar a oração do Angelus com os fiéis na Praça São Pedro. Em sua reflexão, o Papa falou sobre a experiência de Jesus no deserto. Francisco classificou as tentações de transformar pedra em pão, tornar-se um Messias poderoso e manifestar de forma espetacular o poder de Deus como três caminhos que o mundo sempre propõe. "A ganância de ter, a glória humana e a instrumentalização de Deus", seriam as propostas mundanas "para alcançar sucesso e felicidade".